DIREITOS

TRÊS LAGOAS

Pai que espancou filho pode
ser proibido de vê-lo12.08.2013
Texto: Redação
 
 
Pai espancou filho de 16 anos após saber que ele é homossexual
Pai espancou filho de 16 anos após saber que ele é homossexual
 

O pecuarista que espancou o filho de 16 anos em Três Lagoas (MS), em 29 de julho, pode ser proibido pela Justiça de se aproximar do jovem. O pedido da medida protetiva, segundo a polícia, foi feito pela mãe da vítima e aguarda o julgamento. Ele será indiciado por homofobia e tortura.

“Estamos aguardando a resposta do pedido, que poderá fazer com que o pai não tenha mais contato com a vítima e também os laudos dos exames de corpo e delito, que constatam as agressões no menino”, afirmou o delegado Paulo Henrique Rosseto, responsável pelas investigações, ao site “Campo Grande News”.

Conforme a Polícia Civil, ao descobrir que o filho é gay, o pai o agrediu e tentou trancá-lo em um quarto sem energia elétrica. Logo depois, os irmãos e a mãe do adolescente o levaram para a casa da avó.

No entanto, o pai foi atrás e o agrediu novamente, batendo a cabeça dele e falando que ele “estava com o demônio no corpo”. Durante o caminho até o hospital, o pecuarista ainda tentou jogar o filho do carro se ele não voltasse a “ser homem”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.