Nem Ives Gandra engoliu a tese do Gurgel e de Joaquim Barbosa e afirma: Dirceu foi condenado sem provas!

See on Scoop.itBOCA NO TROMBONE!
Monica Bergamo entrevistou um jurista que é contra cotas, contra bolsa-família, anti-lulista, anti-petista e nem ele engoliu a tese do Ex- Procurador Geral da República, Gurgel, e do atual Presidente do STF, ministro Joaquim Barbosa.
See on mariafro.com

Senador diz ter sido agredido por Bolsonaro

See on Scoop.itBOCA NO TROMBONE!

Gustavo Lima/Câmara dos DeputadosCapitão da reserva do Exército, Bolsonaro não estaria autorizado a entrar no localA visita da Comissão Estadual da Verdade do Rio de Janeiro ao 1º Batalhão de Polícia do Exército, na Tijuca, na zona norte da cidade,…
See on congressoemfoco.uol.com.br

Pensou em contato por morte não pode ser dividida entre mãe e mulher de servidor

See on Scoop.itBOCA NO TROMBONE!

Conforme artigo 217 da Lei 8.112/1990, a concessão de pensão à companheira exclui a possibilidade de concessão do mesmo benefício à mãe do trabalhador morto, ainda que seja idosa e comprove dependência econômica.
See on www.conjur.com.br

Jefferson says “Be Good!”

The Fifth Floor

As an academic, a sociologists, and a person generally interested in culture and human activity, I frequently find myself involved in conversations in which someone is arguing that there is nothing left in the modern world which holds society together.  We are fractured, splintered.  There is no longer a framework or ultimate authority on which we can build or sustain a shared morality.  This way of thinking can be traced back at least to Nietzsche and experienced its heyday in the middle of the 20th century when post-modern and critical theorists were in vogue (Bellah et al,Rorty, Rieff).  Whether you think consensus and shared values can exist or not has big implications, especially for human action.  And, when I look around in the world, I see that there is still some of this left.

The story of the summer 2012 crisis at the University…

Ver o post original 946 mais palavras

Artigo: Claudio Monteverdi (1567-1643) e o primeiro oratório da história: Vespro della Beata Vergine – por Jordi Savall | P.Q.P. Bach

Claudio Monteverdi (1567-1643) e o primeiro oratório da história: Vespro della Beata Vergine – por Jordi Savall | P.Q.P. Bach

http://pqpbach.sul21.com.br/2013/09/22/claudio-monteverdi-1567-1643-e-o-primeiro-oratorio-da-historia-vespro-della-beata-vergine-por-jordi-savall/#.Uj89bOhz3r0.twitter