BOLÍVIA MANTÉM CAMPANHA PARA RECUPERAR SAÍDA DO MAR

Bolívia mantém campanha para recuperar saída do mar

La Paz, 26 fev (Prensa Latina) A campanha do governo boliviano para recuperar uma saída do oceano Pacífico viverá hoje um capítulo mais com o início da projeção do documentário O mar da Bolívia no cinema e 6 de Agosto, nesta capital.

O referido filme se exibirá durante os próximos três dias com a intenção de fortalecer a consciência marítima no país, segundo a Direção Estratégica de Reivindicação Marítima (Diremar), a qual adiantou que a nova produção contém informação necessária para o povo boliviano.

“O tema marítimo é de interesse geral e envolve a todos”, afirmou Juan Lanchipa, diretor Executivo de Diremar, que agregou que “o objetivo final é procurar a unidade em torno desta política de Estado e o direito de voltar à costa do oceano Pacífico”.

Lanchipa enfatizou que o filme, produzido no país, recolhe aspectos e detalhes precisos desde a época colonial, os quais mostram à Bolívia de então com seu acesso ao mar, no em tanto descreve catas da Guerra do Pacífico e as pressões chilenas para conseguir a assinatura do Tratado de 1904.

Ao mesmo tempo, enfatiza nos gerenciamentos de vários governos contra o Chile para ratificar uma saída do mar, destacou o executivo de Diremar.

O filme, de em torno de uma hora de duração, está dirigido, principalmente, a estudantes, universitários, docentes, organizações sociais, Forças Armadas, Polícia Boliviana, entre outros setores, em funções duplas.

Diremar adiantou também que depois de passar no cinema em 6 de Agosto, o documentário chegará a várias regiões do país, no marco da campanha de Informação Histórica para a Reintegração Marítima.

“Na conjuntura atual, existe muita informação devido ao aparecimento de novas tecnologias, por isso é importante visibilizar todo o material histórico que se refere à reintegração marítima da Bolívia, em especial para as novas gerações”, enfatizou Lanchipa.

Bolívia perdeu sua saída do mar durante a Guerra do Pacífico, iniciada em 1879, contra o Chile.

Na contenda, o governo chileno apoderou-se de 120 mil quilômetros de território boliviano, bem como de 400 quilômetros lineares de costa do oceano Pacífico.

zp8497586rq

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.