PSDB e mídia são omissos sobre ato pró regime militar, diz cientista político

O PSDB e a mídia tradicional devem se posicionar em relação à manifestação de um grupo que levantou as bandeiras do retorno da ditadura militar e impeachment da presidenta reeleita Dilma Rousseff, no último sábado (01/11), em frente ao Masp, na avenida Paulista. É o que pensa Aldo Fornazieri (foto), cientista político, diretor acadêmico da Fundação Escola de Sociologia e Política do Estado de São Paulo. Para o professor o caso é grave. Reportagem Marilu Cabañas.

Source: www.redebrasilatual.com.br

See on Scoop.itBOCA NO TROMBONE!

PT quer levar assessor de Haddad para Minas

Minas 247 – Setores do PT sondam o controlador-geral do município de São Paulo, Mário Spinelli, para criar um órgão de auditoria no futuro governo do ex-ministro Fernando Pimentel em Minas Gerais.

Source: www.brasil247.com

See on Scoop.itARTE, PINTURA, LITERATURA, MÚSICA, FOTOGRAFIA E…

30 Incredibly Rare And Exotic Dog Breeds That You Need In Your Life

Man's best friends

There are so many unique dog breeds that you’d never come across at the local park. A lot of them are endangered, exotic, or simply hard to find. To celebrate National Dog Day, these are a few of my favorites…

This ball of fur was, and still is, used to protect monasteries and homes in Tibet. With a thick coat and weighing in at 100 to 160 pounds, these dogs were bred to survive the harsh winters of Central Asia.
This canine with an amazing afro originated in Scotland during the 1700s. The breed is a mix of the Skye Terrier and the now extinct Scotch Terrier, giving the dog its unique look. Both farmers and gypsies used the dog to hunt rats and badgers because of their short legs. The animals remain rare, and…

Ver o post original 1.386 mais palavras

Proof That Dogs Love You No Matter How Much Money You Don’t Have

Man's best friends

Once a dog forms a close relationship with a caring owner, their loyalty can be unbreakable, and they will stick with their owner through thick and thin. And unlike us, dogs don’t pass judgment on people who are down on their luck or homeless. This post is a tribute to homeless dogs, who love and stick with their homeless owners no matter what.

Pet dogs offer vital help to the homeless. They provide them with unconditional love in a time when much of society has turned their back on them and they protect their owners from the many dangers of the streets. Surprisingly, many homeless dogs are relatively well-cared for. Homeless owners will often choose to go hungry themselves rather than see their companion go hungry, although they are often unable to provide their pets with professional veterinary help.

More info: petsofthehomeless.org

Source: BoredPanda

homeless-dogs-and-owners-4

Image credits: Veronica Henri/Toronto Sun

homeless-dogs-and-owners-27

Image…

Ver o post original 47 mais palavras

O que o mundo pensa hoje sobre Obama e os Estados Unidos

bloglimpinhoecheiroso

Paulo Nogueira, via DCM

O Pew Research Center é, provavelmente, o mais respeitado instituto de pesquisas do mundo. Baseado em Washington, é apartidário.

Se você quer saber como as pessoas estão enxergando as coisas no plano global, vale a pena acompanhar o Pew. Seu último trabalho é manchete hoje internacionalmente. Já li repercussões na BBC, no Der Spiegel e no Washington Post.

Retrata, paradoxalmente, o óbvio: o desgaste mundial da imagem de Obama e dos Estados Unidos. Pesquisadores do Pew em 20 países significativos – o Brasil incluído – constataram o quanto os norte-americanos são objeto de desilusão e reprovação.

No centro da rejeição estão os famosos drones, os aviões sem tripulação com os quais os norte-americanos matam militantes de grupos islâmicos – e também mulheres, crianças e velhos que nada têm a ver com a Guerra ao Terror.

Em todo o mundo, excetuados os Estados Unidos, os drones…

Ver o post original 150 mais palavras

Luciano Martins Costa: A miséria da imprensa e o menino diferenciado

bloglimpinhoecheiroso

Lei_de_Medios01

Luciano Martins Costa, via Observatório da Imprensa

Os jornais de quinta-feira, dia 6/11, destacam os números do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) segundo os quais a miséria deixou de cair no Brasil entre 2012 e 2013.

O assunto está nas primeiras páginas, mas é manchete apenas em O Globo. Diz o seguinte: “Número de brasileiros na extrema pobreza aumenta”. Na linha fina, logo abaixo, o tom é mais ameno: “Pela primeira vez desde 2004, miséria parou de cair em 2013”. O jornal não explica a diferença entre “aumenta” e “parou de cair”.

Esse é um exemplo simples do “jornalismo impressionista” ao qual nos referimos neste posto de observação na quarta-feira (dia 5, ver aqui): olhando-se apenas a manchete, chega-se à conclusão apressada de que a miséria aumentou no Brasil; lendo-se a linha fina, o leitor começa a entender que não é bem assim; ao enxergar o quadro…

Ver o post original 584 mais palavras