A aliança Marx / Maomé deixou de funcionar

perspectivas

O racismo é um fenómeno eminentemente cultural, muito mais do que uma distinção de cor de pele. Quando digo “cultural”, refiro-me aos dois tipos de cultura: à cultura intelectual e à cultura antropológica.

Enquanto a França foi um país de maioria católica praticante, não aconteceram ataques islamitas no seu território. Mas quando a cultura antropológica francesa sofreu a erosão da religião cristã através do laicismo militante e maçónico, os ataques islamitas começaram a acontecer.

Ou seja, foi a Esquerda que mudou: em uma primeira fase, a Esquerda defendeu o multiculturalismo que incluía a aceitação política e cultural do Islão; e numa segunda fase, a actual, a Esquerda já revogou a aliança Marx / Maomé — porque a Esquerda pensa que os objectivos da defesa do multiculturalismo já foram atingidos.

À medida que a Esquerda pensa que vai conquistando terreno na cultura antropológica francesa, vai mudando de estratégia de acordo com…

Ver o post original 241 mais palavras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.