A aliança Marx / Maomé deixou de funcionar

perspectivas

O racismo é um fenómeno eminentemente cultural, muito mais do que uma distinção de cor de pele. Quando digo “cultural”, refiro-me aos dois tipos de cultura: à cultura intelectual e à cultura antropológica.

Enquanto a França foi um país de maioria católica praticante, não aconteceram ataques islamitas no seu território. Mas quando a cultura antropológica francesa sofreu a erosão da religião cristã através do laicismo militante e maçónico, os ataques islamitas começaram a acontecer.

Ou seja, foi a Esquerda que mudou: em uma primeira fase, a Esquerda defendeu o multiculturalismo que incluía a aceitação política e cultural do Islão; e numa segunda fase, a actual, a Esquerda já revogou a aliança Marx / Maomé — porque a Esquerda pensa que os objectivos da defesa do multiculturalismo já foram atingidos.

À medida que a Esquerda pensa que vai conquistando terreno na cultura antropológica francesa, vai mudando de estratégia de acordo com…

Ver o post original 241 mais palavras

A DELICADEZA DOS DIAS

Talis Andrade

por Eliane Brum

Brutalizados pelo mundo que criamos, somos reduzidos a consumidores de acontecimentos presos no pesadelo da repetição

Farhad Foroutanian indivualidade robô

“Mãe, sabia que, quando a gente cresce, pode voltar a brincar com os brinquedos de criança?”, anunciou minha afilhada Catarina, três anos e oito meses. E seguiu, em sua primeira declaração de Ano-Novo. “A gente precisa dos brinquedos pra ir na faculdade. Eu vou ser escrevista.” Escrevista?, pontuou a mãe, interrogativa. “Escrevista, mãe. Aquela pessoa que escreve pra ler.”

Catarina é assim. Cercada de princesas, porque ela também é uma princesista praticante, ela às vezes silencia os adultos ao redor, arrancando-nos da repetição neurótica dos dias. É visível que sente compaixão por nós, a ponto de, neste Natal, ter fingido acreditar no Papai Noel para não nos decepcionar. Fizemos coisas ridículas, na falta de chaminés o Papai Noel teria descido por uma janela pela qual não passaria um duende com anorexia…

Ver o post original 1.723 mais palavras

The Sound I felt ~ The Big Riff ~ Facing Reality and Bringing Who You Really Are to Life featuring Herbie Hancock’s – Maiden Voyage

Fifty Shades of Jazz

7-rules-of-life-image

“Before, things had to look a certain way for me. In order to experience joy, I had to win: I had to be the best at what I did. If not, there was no joy. Now, that has changed, and you know what left with that? The suffering. That doesn’t mean that I no longer have goals or projects: it just means that my fulfillment no longer depends on their outcome. Now, I put all of my passion into creating and exploring my pursuits, but if something doesn’t turn out as planned, I no longer suffer.” Isha Judd

Wait a minute…that was me for most of my life! Folks would probably describe me as a late bloomer.  I hated that term.  Living in a world where fourteen year olds are winning The Voice or Master Chef Junior I felt as though I had been wasting my life.  So, I…

Ver o post original 564 mais palavras

Rod Taylor (1930-2015)

SCI FI do Brasil

Rod Taylor como H.G. Wells em A Máquina do Tempo (1960) Rod Taylor como H.G. Wells em A Máquina do Tempo (1960)

Rod Taylor, ator australiano conhecido principalmente por ter estrelado o clássico sci-fiA Máquina do Tempo (George Pal, 1960) e o precursor dos filmes de terror animal, o também clássico Os Pássaros (Alfred Hitchcock, 1963), faleceu ontem em Los Angeles, onde residia. Ele completaria 85 anos no próximo domingo. Entre os vários créditos de Taylor está o episódio “And When the Sky Was Opened”, da série Além da Imaginação (1959), e sua última aparição no cinema em Bastardos Inglórios (Quentin Tarantino, 2009), filme no qual interpretou Winston Churchill.

Ver o post original

PETROBRAS SUPERA EXXON E VIRA A NÚMERO 1 DO MUNDO

Luíz Müller Blog

PetroleirosEm meio ao mais intenso bombardeio midiático a que uma empresa já foi submetida, a Petrobras acaba de anunciar um recorde histórico; no terceiro trimestre do ano passado, a empresa se tornou a maior produtora de petróleo do mundo, entre as empresas de capital aberto, com uma média de 2,2 milhões de barris/dia; nesse período, a Petrobras superou a Exxon, que era líder, e produziu uma média diária de 2,1 milhões de barris/dia; no pregão desta quinta-feira, as ações da Petrobras subiram mais de 6%

(Por Marta Nogueira) – via Brasil 247

A Petrobras tornou-se a maior produtora de petróleo entre as empresas de capital aberto no mundo, após superar a norte-americana ExxonMobil no terceiro trimestre de 2014, informou a petroleira estatal nesta quinta-feira.

A ExxonMobil produziu 2,065 milhões de barris de petróleo por dia (bpd) no terceiro trimestre, segundo o balanço da companhia, enquanto a Petrobras produziu 2,209 milhões…

Ver o post original 376 mais palavras

MAIS UM NO FUNDO DO POÇO. JORNAL ESTADO DE MINAS COLOCA SUA SEDE À VENDA

Luíz Müller Blog

em0801

O ENGAJAMENTO POLÍTICO DO JORNAL ESTADO DE MINAS, QUE FEZ CAMPANHA EXPLÍCITA PELO SENADOR AÉCIO NEVES (PSDB-MG), AGORA COBRA SEU PREÇO

Do Diário do Brasil

Nesta quarta-feira, 12 profissionais do jornal foram demitidos.

À revista IMPRENSA, Kerison Lopes, presidente do sindicato dos jornalistas de Minas, afirma que as demissões ocorrem em decorrência da crise financeira enfrentada pela publicação, que vai além dos problemas enfrentados pelos veículos impressos em todo o mundo.

“O jornal passa por uma crise financeira, e uma crise de gestão e credibilidade. Nos últimos tempos, O Estado de Minas adotou uma linha editorial atrelada a um grupo político e acabou perdendo assinantes e, consequentemente, diminuindo sua venda em bancas”, disse ele.

A exemplo do que está ocorrendo com o Washington Post, que colocou à venda sua sede nos Estados Unidos, o Estado de Minas, mais tradicional jornal mineiro, também busca um comprador para o edifício onde está…

Ver o post original 141 mais palavras