‘Indicação de Dimas por Aécio quase rachou o PT’

Deputado estadual Rogério Correia conta ao 247 que era líder da bancada do PT em Minas quando o senador Aécio Neves (PSDB-MG) indicou o nome de Dimas Toledo para a diretoria de Furnas, o que, segundo ele, quase causou um racha no partido no Estado; “Eu fui um dos que me revoltei”, afirma, sobre o fato de o governo Lula, à época, ter acatado a indicação de um tucano em detrimento do PT; acusado de coordenar um esquema de propina na estatal, Aécio nega as acusações argumentando que não seria possível ele ter influência para indicar alguém em um governo petista, pois seria como se “o técnico do São Paulo escalasse o time do Corinthians”; ora, “ele nunca foi técnico de um time só, sempre vestiu duas camisas”, rebate Correia; o petista, que já foi à PGR mais de uma vez levar documentos contra Aécio, diz que “não falta nada” para se abrir uma investigação e que se o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, não apurar as denúncias de Furnas, estará cometendo “um pecado”

Sourced through Scoop.it from: www.brasil247.com

See on Scoop.itBOCA NO TROMBONE!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.