O GOLPE VENCEU: O PAÍS FICARÁ INGOVERNÁVEL | Jornalistas Livres

Uma noite vergonhosa. O golpe sufocou a democracia. Mas não instalou um novo governo. Haverá uma nova batalha no Senado a partir de agora, numa condição politicamente mais difícil. A guerra não está encerrada. Temer e Cunha são traidores do país, e não serão os governantes. O que farão os pobres do país, os movimentos sociais, os democratas? Resistência e luta aguerrida. 2016 não é 1964. O golpe não se consolidará.  A partir desta segunda-feira o país acorda incendiado. Manifestações, atos, greves, trancamentos, luta nas ruas. É esta a decisão dos movimentos sociais como MST, MTST, UNE, Os golpistas pensam que o país é dos ricos e poderosos. Verão a força do povo. Há várias frentes de ação que precisam …

Sourced through Scoop.it from: jornalistaslivres.org

See on Scoop.itBOCA NO TROMBONE!

O golpe dos corruptos leva Brasil à beira do caos: “por Deus, pela minha família, pelas pessoas de bem”

Luíz Müller Blog

Bruno-AraujoSímbolo da farsa: deputado do PSDB, que deu o voto de número 342 pelo golpe, está na lista de propinas da Odebrrecht

porRodrigo Vianna no Portal Fórum

Depois de assistir à sessão do golpe, em Brasilia, entendi porque a TFP (Tradição, Família e Propriedade – velha instituição católica de ultra-direita, que defendeu a ditadura em 64) entrou em decadência.

Globo, Gilmar e Cunha querem botar a faixa no Temer; mas batalha não acabou e haverá muita resistência

A TFP tornou-se desnecessária. O discurso da “família acima de tudo” ganhou a parada.

“Pela minha família, pelos meus filhos, pela minha mulher”, gritou um deputado/delegado de Goiás.

“Voto em nome do povo de Jesus”, dizia uma moça com jeito de santinha.

Um amigo escreveu: ninguém agradeceu à (ou ao) amante?

Deus e a família embalaram as declarações de voto. Quase ninguém lembrou das pedaladas fiscais. E assim a Câmara mais nojenta da história votou pelo impedimento de uma presidenta contra a qual não há acusações formais de crime.

Consumou-se…

Ver o post original 492 mais palavras

‘Congresso hostil e manchado por corrupção’ derrota Dilma, diz ‘Guardian’ – BBC Brasil

Jornais internacionais questionam credenciais de Eduardo Cunha e Michel Temer e expressam curiosidade com comportamento dos deputados na votação.

Sourced through Scoop.it from: www.bbc.com

See on Scoop.itBOCA NO TROMBONE!