Ao pé do fogão

Post

Moldaste-me nos seus arredores
com o peso de sua alma
contornada pelo fogo.
nas manhãs de inverno.

Amassaste-me por dentro
com o toque de sua voz
e seus tons de dor
segurava-me segurando lágrimas.

Em risos destampava-me
retocando o cheiro.
Revirada de esperanças
e os gritinhos dos filhos.

Era assim ser mãe
ao pé do fogão
agarrada à vida.

Ronaldo Sérgio

Ver o post original

Intolerance: Love’s Struggle Throughout the Ages – Intolerância

Crítica (non)sense da 7Arte

intolerance2

Imagine como era o cinema há exatos 100 anos. Conseguiu imaginar? Provavelmente você pensou “ah, filme mudo, com poucos atores, mais ao estilo de teatro”. Imaginou algo assim? Bem, você não está de todo errado(a). Muito do cinema feito em 1916 tinha esta característica, mas não vamos falar aqui, na estreia de uma nova seção no blog, de um filme qualquer. Vamos estrear com um dos grandes filmes de todos os tempos, Intolerance: Love’s Struggle Throughout the Ages, dirigido por um dos grandes cineastas da Sétima Arte, D.W. Griffith. Vale a pena nos debruçarmos nesta produção e em tudo que a define como um dos maiores clássicos do cinema. Com este filme, que está completando em 2016 exatos 100 anos, marcamos a estreia da seção “Um olhar para trás”. Boa leitura e bom filme!

A HISTÓRIA: Logo no início, junto com o nome do filme, sabemos que esta história tem…

Ver o post original 4.622 mais palavras

O massacre da Previdência, segundo O Dia

Luíz Müller Blog

POR FERNANDO BRITO no TIJOLAÇO

 dadinheiroPrepare-se, porque a coisa é feia: aumento do fator previdenciário de 85/95 (soma da idade e do tempo de contribuição)  para 105 anos (tanto para homens quanto para mulheres). Pensão por morte, desvinculada do mínimo, de 60% e mais 10% por dependentes. Por invalidez, 65%, acrescendo-se um ano por ano de contribuição. O benefício para idosos e pessoas com deficiência grave que nunca trabalharam será reduzido de um salário para meio salário mínimo.

E isso não é tudo.

Max Leone, na Coluna do Aposentado do jornal O Dia, dá detalhes sobre uma megaproposta de reforma previdenciária que estaria sendo preparada, com o aval de Michel Temer, por consultores da Câmara dos Deputados e do Senado.

Reproduzo alguns deles, abaixo:

APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO
A ideia é substituir aposentadoria por regra que soma idade e tempo de serviço. Começaria com a atual Fórmula 85/95…

Ver o post original 965 mais palavras

Moro foi escrachado ao cruzar manifestação do Fora Temer em Curitiba

Luíz Müller Blog

Do Blog do Esmael Morais

moro_fora_temer_ufprO juiz federal Sérgio Moro não se intimidou na última sexta-feira 10, em Curitiba, ao cruzar a manifestação pelo Fora Temer em frente ao prédio da Faculdade de Direito, onde leciona, na Universidade Federal do Paraná (UFPR).

O magistrado desceu a escadaria do histórico prédio, na Praça Santos Andrade, e cruzou uma multidão de aproximadamente 5 mil pessoas até alcançar a rua.

Ver o post original 63 mais palavras

Od Chagalla do Malewicza – galeria III — artdone

por. galeria Od Chagalla do Malewicza I oraz galeria Od Chagalla do Malewicza II Michaił Łarionow / Mikhail Larionov, Wenus / Venus, 1912, State Russian Museum, Saint Petersburg Chagall bis Malewitsch. Die Russischen Avantgarden / From Chagall to Malevich. The Russian Avant-gardes – 26.02.2016-26.06.2016 – Albertina, Wiedeń / Vienna

via Od Chagalla do Malewicza – galeria III — artdone

Orlando Gunman’s Ex-Wife: Omar Mateen Repeatedly Beat Me — CBS New YorkCBS New York

NEW YORK (CBSNewYork/AP) — The ex-wife of the gunman behind the massacre at an Orlando nightclub revealed that he repeatedly beat her while they were married. The ex-wife of Omar Mateen, who was identified as the gunman who killed 50 people at the gay nightclub Pulse, told The Washington Post that the marriage was normal…

via Orlando Gunman’s Ex-Wife: Omar Mateen Repeatedly Beat Me — CBS New YorkCBS New York

Muslim Preacher Visiting Orlando Mosque: Homosexuals Should Be Killed, “Let’s Get Rid Of Them” — MidnightWatcher’s Blogspot

According to the father of Islamic terrorist Omar Mateen, his son’s killing of 50 at a gay bar in Orland had “nothing to do with religion.” He’s lying, like Islamic law commands him to do, and he knows it. According to Sharia law, his religion decrees the death penalty for homosexual conduct. Unless, of course, it was being performed for the sake of Allah in order to “widen” the anus enough to accommodate explosives and kill more infidels for the cause of Islam … “The punishment for men or women who are unwilling to give up homosexuality and therefore are rejecting the guidance of Allah Most High is in fact death according to Islam” – 2014 Fatwa on OnIslam.net Listen to the Imam in the video …

via Muslim Preacher Visiting Orlando Mosque: Homosexuals Should Be Killed, “Let’s Get Rid Of Them” — MidnightWatcher’s Blogspot