INDIA ENVÍA ALIMENTOS A ARABIA SAUDÍ PARA 10.000 TRABAJADORES INDIOS QUE MUEREN DE HAMBRE — Ramrock’s Blog

Más de 10.000 trabajadores indios hambrientos en Arabia Saudita han recibido 16,000 kgs de alimentos procedentes de su propio gobierno, el cual fue distribuido en frente del consulado de la India en la ciudad portuaria de Jeddah. Más de 10.000 trabajadores indios fueron despedidos en Arabia Saudita después de que el crecimiento económico se ralentizara…

via INDIA ENVÍA ALIMENTOS A ARABIA SAUDÍ PARA 10.000 TRABAJADORES INDIOS QUE MUEREN DE HAMBRE — Ramrock’s Blog

O beijo queimou-lhe o coração, mas persiste na sua Ideia — O Homem Despedaçado

Assusta um pouco que, na festa em comemoração aos seus noventa anos, Bertrand Russell tenha iniciado o discurso do seu brinde com a seguinte frase: “Durante toda a minha vida ouvi dizer que o homem é um animal racional. Em todos esses anos, não encontrei nenhuma prova disso.” É preocupante. Estamos falando de alguém que […]

via O beijo queimou-lhe o coração, mas persiste na sua Ideia — O Homem Despedaçado

BRUSSELS, BELGIUM STREET ART: THE URBANA PROJECT WALL – INTERFACES – 40 ARTISTS!

TOKIDOKI (NOMAD)

DCIM100GOPROGOPR2399.1. SOAZ

IMG_48392. Zac Rylik

IMG_4840

3. Klaas Van Der Linden

IMG_4842

4. Nova Dead
IMG_4845

5. Mache

IMG_5274

6.Fabienne Cresens – ‘in progress’

IMG_4846

7. Samuel IdmtalIMG_5272

8. Edmond JamoulleIMG_5271

9. Steve LocatelliIMG_5270

10. Denis Meyers – ‘in progress’IMG_5269

11. Jellyfish

IMG_4850

12. ArmeIMG_4851

13. HMIIMG_4852

14. VassilisIMG_5265

15. Eyes-BIMG_5339

16. Melanie Gregoire

17. TBDIMG_4855

18. Fred FPIMG_5262

19. Matthew Dawn

IMG_5261

20. Jean-Charles Fremont – ‘in progress’IMG_4856

21. Solo CinkIMG_4858

22. ConiIMG_4859

23. PSOMANIMG_4860

24. FakerIMG_4863

25. Cazn ArtDSCN3608

26. Guitar y BanjoIMG_5254

27. Spencer

IMG_4867 28. Links OneIMG_5252

29. DegatIMG_5251

30. Salome Gautier – ‘in progress’IMG_5250

31. Arnaud KoolIMG_4872

32. EboIMG_5248

34. Thomas Marchal – ‘in progress’

IMG_5247

35. EresIMG_5246

36. Joost Jansen – ‘in progress’IMG_4876

37. Mehsos IMG_5244

38. Silio – ‘in progress’

IMG_5243

39. ECTO

IMG_4878

40. NEAN

DCIM100GOPROGOPR2343.

DCIM100GOPROGOPR2336.

DCIM100GOPROGOPR2334.

DCIM100GOPROGOPR2315.

DCIM100GOPROGOPR2316.

DCIM100GOPROGOPR2317.

DCIM100GOPROGOPR2318.

DCIM100GOPROGOPR2319.

DCIM100GOPROGOPR2320.

DCIM100GOPROGOPR2321.

DCIM100GOPROGOPR2322.

DCIM100GOPROGOPR2341.

DCIM100GOPROGOPR2340.

DCIM100GOPROGOPR2339.

DCIM100GOPROGOPR2338.

DCIM100GOPROGOPR2337. July 2016. Bruxelles, Belgium.


Ver o post original

Será?

patriamarga

vovozinha

Fez a baliza muito mal feita.

Bateu no carro da frente, amassou o carro de traz.

Deixou ele morrer umas três vezes antes de desistir e deixar o carro quase que no meio da rua.
Aquele dia eu estava de bicicleta, só de bobeira… e como passava por aquela rua quase todos os dias, mas nunca tinha visto aquela velhinha, resolvi dar atenção para a cena.

Ela desceu do carro com dificuldades, porque era muito pequena e encurvada, depois deu a volta para buscar alguma coisa do lado do passageiro.

Ainda curioso com a vovozinha, esperei para ver do que se travava.

Para a minha surpresa, ela foi buscar uma outra vovozinha, ainda mais velhinha e menor.

Achei graça da situação, não por serem velhinhas e pequenas, mas por pensar que um dia eu poderia ser assim também, um velhinho, um vovozinho todo encolhido, engraçado e disposto. Uma figurinha ativa e cheia…

Ver o post original 61 mais palavras

99-word story – The Story

A Certain Point of View

Has anyone read this story before??

Once upon a time, there was a simple, self-aware Story. It went about its business in the town of Letters-on-the-Page, quietly sowing seeds that would be developed later. As inevitably happens, some chaotic words were introduced, disrupting the cosiness of Story’s existence. Things got steadily worse, despite Story’s best efforts.

In the middle, Story decided a different approach was needed. The experience had fundamentally changed it.

Nevertheless, those unsavoury words looked like they had the upper hand. Calamity! Then, just in the nick of time, everything was resolved in an obvious yet surprising way, paving way for… “The End”.

7772794404_055c289f79_o

Picture credit: flickr.com/photos/rossyyume/7772794404

Ver o post original

Por que gosto de Haikais

Bruno Felix

A delicadeza da construção, o minimalismo silábico que precisa fundamentalmente expressar um estado natural à maneira de uma pintura ou fotografia. São características do Haikai que me encantam, como se desafiassem o poeta ocidental a um duelo samurai ou a um ritual do chá.

Ontem escrevi dois Haikais que, muito embora desafiem o propósito original da arte (o retrato instantâneo da natureza), trazem um turbilhão (a meu ver) de significância.

No primeiro, a desconstrução da palavra no segundo verso, leva a uma reconstrução em duplo significado no último:

Já no segundo Haikai, a imagem acústica formada em nosso cérebro pelo emprego da palavra “sonho”, é reconstruída nos versos seguintes.

Em meu livro de poesias (LINK), há um pequeno capítulo dedicado à arte do Haikai.

Espero que…

Ver o post original 11 mais palavras

Biscoito com canela!!

Livro de receitas deca calazans

bicoito de canelaIngredientes

125 g de farinha com fermento;

125 g de açúcar mascavo;

1 ovo;

1 colher de chá de anis moído;

2 colheres de chá de canela;

1 colher de chá de pimenta branca;

1 colher de chá de sal;

½ colher de chá de gengibre;

30 g de manteiga.

Modo de preparo

Amasse todos os ingredientes, até virar uma massa firme. Caso seja necessário, acrescente uma ou duas colheres de sopa de leite, se a massa estiver muito dura.

Embrulhe a massa e deixe na geladeira, de preferência de um dia para o outro, ou por pelo menos duas horas, para que os sabores dos condimentos se misturem.

Faça pequenas bolinhas com a massa e coloque-as sobre o papel manteiga ou em uma forma de silicone para assar.

Pressione as bolinhas no centro.

Asse-as a 200°C por cerca de 15 minutos, até que fiquem douradinhas.

Deixa esfriar e sirva.

Ver o post original 1 mais palavra

Guerra ao Terrorismo dos EUA é uma FARSA …

HÉLIO'S BLOG

HÉLIO’S BLOG

#Divulgação Científica

Facebook , Twitter :@Heliosblog, Linked

guerra-ao-terrorismo-farsaÉ extraordinário que tantos cidadãos norte americanos, cidadãos da única superpotência do mundo, realmente acreditem que estão a ser ameaçados por povos muçulmanos que não têm unidade, nem marinha, nem força aérea, nem armas nucleares, nem mísseis capazes de cruzar os oceanos e tampouco exército treinado e disciplinado.

Durante dez anos (a primeira década do século XXI), a população da “superpotência“ americana assistiu sentada, sendo apavorada pelas mentiras do seu governo. Enquanto os americanos vivem assustados com medo de “terroristas” não existentes, milhões de pessoas em seis países tiveram suas vidas destruídas. 

A Guerra ao Terrorismo dos EUA é uma FARSA (apenas mais uma…)

Global Research,  by Paul Craig Roberts – Fonte: http://www.globalresearch.ca

Tanto quanto existe de evidência, a vasta maioria dos americanos não está perturbada pelo assassínio desumano de outras pessoas em países que sequer são capazes de…

Ver o post original 2.453 mais palavras