Cee’s Which Way: Tube

The World Is A Book...

0w5a1485-subway

London’s subway system is called the Tube or Underground, never “subway”. According to Rick Steves, the Tube is one of this planet’s great people-movers.

0w5a1491-subway

The Oyster is the Tube ticket. You can select the amount you want to buy, check the balance, and add the credit through a touch screen machine.

When we were trying to use the machine to check the balance of the Oyster, a service person politely offered us help. When it’s done, I thanked him and said, “I wish we had Oyster in Texas. ” He said to me, “Why not move to London.”  “I’d have to learn English all over again.” I replied, he laughed. 🙂  I like to make service people laugh.

0w5a1493-subway

Below is the Victoria station. Tube stops and the train station are under one roof with lots of restaurants and shops, and outside of this huge building is surrounded by red buses.

0w5a0545-subwaycees-which-way-1

Thank you for visiting!…

Ver o post original 1 mais palavra

O SANGUE JORRA SOBRE A TERRA VERMELHA: Reflexões sobre o filme de Marco Bechis (2008) no contexto do etnocídio Guarani-Kayowá

A CASA DE VIDRO

O SANGUE JORRA SOBRE A TERRA VERMELHA
Reflexões sobre o filme de Marco Bechis (2008) no contexto do etnocídio Guarani-Kayowá

por Eduardo Carli de Moraes para A Casa de Vidro
(Série #Cinephilia Compulsiva)

Uma das melhores expressões cinematográficas do drama trágico que aflige os Guarani-kaiowá é Terra Vermelha (2008), filmaço de Marco Bechis, cuja trama desenrola-se na região de Dourados (MS) e tematiza a epidemia de suicídios dos indígenas da etnia. Logo nas primeiras cenas do filme, o espectador depara-se com duas jovens – uma de 17 anos, outra de 14 – que pendem enforcadas no meio da floresta e são encontradas por outros membros da tribo.

As mortas estão vestidas com roupas “de branco” – uma delas está com o uniforme escolar da “Escola Municial Marechal Rondon” – e logo são enterradas em uma cova onde também são sepultados objetos típicos do “povo da mercadoria”, como o batizou…

Ver o post original 3.885 mais palavras

O MEC errou? Conta outra!

www.socialistalivre.wordpress.com

O MEC golpista, fruto da péssima repercussão que sua anunciada reforma do Ensino Médio causou, quando impôs tirar disciplinas obrigatórias da grade curricular, diz que errou e que disciplinas como Artes, Sociologia, Filosofia, Educação Física continuarão obrigatórias na primeira metade do Ensino Médio. Alguém acredita que o MEC erraria? Só se for muito ingênuo. Recuaram em partes fruto da pressão que sentiram, mas continua ainda o pior dessa forma que é dizer que basta ter NOTÓRIO SABER para dar aulas de tudo, ou seja, o fim da necessidade de ser verdadeiramente professor para dar aulas. Junto com isso vem a proposta de opção imatura dos jovens por uma dada área do conhecimento já na metade do ensino médio, ou seja, a juventude vai ficar alijada dos conteúdos da formação básica, antes de entrarem na Universidade.

Por: Gílber Martins Duarte – Militante SOCIALISTA LIVRE – Dirigente estadual do Sind-UTE/MG e da…

Ver o post original 20 mais palavras

Os países não se demoram nas encruzilhadas – 1ª parte

rsurgente

"As forças de esquerda do Brasil estão num dilema que se pode definir assim: tudo o que têm de fazer a médio e longo prazo para fortalecer a democracia está em contradição com o que têm de fazer a curto prazo para disputar o poder." “As forças de esquerda do Brasil estão num dilema que se pode definir assim: tudo o que têm de fazer a médio e longo prazo para fortalecer a democracia está em contradição com o que têm de fazer a curto prazo para disputar o poder.” (Reprodução/Youtube)

Boaventura de Sousa Santos (*)

O golpe parlamentar-judicial que ocorreu no Brasil vai ter repercussões na vida social e política do país difíceis de prever, ainda que, na versão oficial e na dos EUA, tudo tenha corrido dentro da normalidade democrática. Mas são também de prever repercussões internacionais, não só porque o Brasil é a sétima economia do mundo e assumiu nos últimos anos uma política internacional relativamente autônoma, tanto no plano regional como no plano mundial, através da participação na construção do bloco dos BRICS, mas também porque o modelo de desenvolvimento que adotou nos últimos treze anos pareciam indicar que são possíveis…

Ver o post original 2.559 mais palavras

Você está sob a luz de certos poemas cheios de sol

daguito rodrigues

POEMA DE VERÃO,

de Ana Martins Marques,

em O Livro das Semelhanças

Indicado pelo poeta Chacal.

“Você está sob a luz

de certos poemas cheios de sol

sua mão faz sombra sobre a página

encobrindo algumas palavras

a palavra menina agora está à sombra

a palavra retângulo

a palavra brinquedo

as outras palavras ficam pairando

no poema como partículas de poeira

brilhando na luz

você gostaria de escrever poemas assim

em que se encontrasse de repente

o esqueleto alvo de um animal pequeno

ou em que um jovem casal dormisse

dentro de uma picape vermelha

ou ao menos em que houvesse uma raposa

vinho de maçã, cadeiras dobráveis

e onde as cervejas fossem postas para efriar

dentro de um rio

você gostaria de escrever um poema

em que acontecessem tantas coisas

e as palavras vibrassem um pouco

num acordo tácito

com as coisas vivas

em vez disso você escreve este”

Ver o post original