E o pra sempre, sempre acaba…

belo texto. simples, direto, real. abraços.

T. angel

Osasco, 25 de Março de 2016.

Eu sou uma usuária intensa das redes sociais. Sou mais dependente do que gostaria de ser, ainda assim acredito que essas ferramentas têm o poder de aproximar e afastar pessoas,  em igual medida, na mesma proporção. É uma socialização, mas é também o seu avesso revirado.

Através das redes sociais consigo manter contato com uma quantidade grande de pessoas, algumas que conheci pessoalmente, algumas que quero conhecer pessoalmente e outras tantas que a relação se dá no ambiente no eletrônico apenas e assim será e o que particularmente eu não considero pouco. Também teve as incontáveis pessoas que descobri através das redes sociais que o melhor seria me afastar, principalmente nos casos em que as crenças dessa gente colocava em risco a minha existência e/ou colocava em risco a existência de gente como eu. Mas como poderia me chamar de amiga, visitar a minha…

Ver o post original 850 mais palavras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.