Porque temos de estar TODOS e TODAS hoje em frente à Embaixada da Rússia.

esQrever

Desde a semana passada que me sinto ausente. Deprimido. Apático. O revelar daexistência de campos de concentração para homens gay na Tchetchénia com o intuito de limpeza moral é algo demasiado hediondo para conseguir compreender na totalidade das suas intenções. E na sua (ir)realidade. Os horrores já foram entretanto relatados com pormenores absolutamente aterradores, mas tudo parece estar ainda a escalar. Seja com a jornalista que denunciou esta atrocidade dos direitos fundamentais humanos a teragora de se exilar da Rússia ou com as declarações fascistas em relação à impureza dos homossexuais por parte de um dos cabecilhas do partido da Russia Única de Putin:estamos em verdadeiro estado de sítio como não me lembro desde que tive a realização (tardia) da minha identidade.

Numa altura em que é questionada a validade da continuação da luta do ativismo LGBT e o porquê de nos continuamos a batalhar com tanto fervor quando…

Ver o post original 214 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s