AUTONOMIA FERIDA: Revogação do afastamento de corregedor revolta comunidade universitária | Jornalistas Livres

Provocando uma grave crise institucional na gestão da UFSC, a reitora em exercício, Alacoque Lorenzini Erdmann, revogou na tarde desta terça-feira a portaria assinada na sexta (20/10) pelo gabinete afastando por 60 dias o corregedor interno Rodolfo Hickel do Porto. O corregedor é apontado como o principal agente no processo difamatório e calunioso que culminou com o suicídio do reitor Luiz Carlos Cancellier. Assinada pelo chefe de gabinete, Áureo Moraes, a portaria determinava também a abertura de Processo Administrativo Disciplinar para investigar representação de graves denúncias de perseguição, ameaça e ofensas praticadas por Rodolfo contra o professor do Curso de Administração Gerson Rizatti Júlio. A reitora alegou ameaça de processo por improbidade administrativa por parte do Ministério Público Federal, mas sua atitude consternou a família […]

Fonte: AUTONOMIA FERIDA: Revogação do afastamento de corregedor revolta comunidade universitária | Jornalistas Livres

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.