Seis crimes hediondos cometidos contra crianças durante a Ditadura Militar. Por Maurício Brum

Seis crimes hediondos cometidos contra crianças durante a Ditadura Militar. Por Maurício Brum https://www.diariodocentrodomundo.com.br/seis-crimes-hediondos-cometidos-contra-criancas-durante-a-ditadura-militar-por-mauricio-brum/

No governo Geisel chegou ao Brasil um grande especialista em assassinatos políticos, tortura e criação de esquadrões da morte, o general francês Paul Aussaresses. Ele foi o grande instrutor dos serviços de segurança das ditaduras participantes da Operação Condor, no Centro de Instrução de Guerra na Selva (CIGS), em Manaus, e se tornou amigo íntimo do homem que acabou por simbolizar a selvageria do regime no Brasil, o delegado Sergio Paranhos Fleury, ao que tudo indica assassinado em 1979 pela própria ditadura, numa operação de queima de arquivos.

No governo Geisel chegou ao Brasil um grande especialista em assassinatos políticos, tortura e criação de esquadrões da morte, o general francês Paul Aussaresses. Ele foi o grande instrutor dos serviços de segurança das ditaduras participantes da Operação Condor, no Centro de Instrução de Guerra na Selva (CIGS), em Manaus, e se tornou amigo íntimo do homem que acabou por simbolizar a selvageria do regime no Brasil, o delegado Sergio Paranhos Fleury, ao que tudo indica assassinado em 1979 pela própria ditadura, numa operação de queima de arquivos. https://grupobeatrice.blogspot.com/2018/05/no-governo-geisel-chegou-ao-brasil-um.html