Indústria brasileira sofre derrota histórica com eleição de Bolsonaro

Não precisou nem uma semana desde a eleição de Bolsonaro para que a indústria brasileira e o agronegócio do país se vissem, depois do apoio entusiasmado ao ex-capitão, como grandes perdedores, às portas de uma derrota histórica; a sucessão de declarações, estudos em andamento e movimentos de Bolsonaro, de Paulo Guedes são múltiplos: ataques e ameaças à China e ao Mercosul, os grandes mercados para os produtos brasileiros; extinção do Ministério da Indústria e do Comércio (MDIC); e, por fim, a extinção gradual do BNDES

Fonte: Indústria brasileira sofre derrota histórica com eleição de Bolsonaro

Ida para o governo Bolsonaro orna com a visão punitivista medieval de Moro

Juiz da Lava-Jato se notabilizou pelo excesso de prisões provisórias para forçar delações, método que já foi comparado à tortura O post Ida para o governo Bolsonaro orna com a visão punitivista medieval de Moro apareceu primeiro em Socialista Morena .

Fonte: Ida para o governo Bolsonaro orna com a visão punitivista medieval de Moro

[Vídeo] BOLSONARO no THE NEW YORK TIMES de quinta (01) é retratado como um ASSASSINO PACIFICADOR do BRASIL —

“NOVO LÍDER DO BRASIL PROMETE MATAR CRIMINOSOS”. O título da matéria já transfere toda a responsabilidade da ação de ‘matar’ para a pessoa do presidente eleito e, subjetivamente, paira a dúvida se ele assumirá o rótulo de MATADOR.

via [Vídeo] BOLSONARO no THE NEW YORK TIMES de quinta (01) é retratado como um ASSASSINO PACIFICADOR do BRASIL —

Os soldados não têm o direito de atirar no meu neto

Diego Augusto Roger Ferreira ia fazer um favor para o irmão de criação naquela noite de sábado, 12 de maio. Chegou a ir até o posto de gasolina numa moto emprestada para comprar óleo de motor para o carro do irmão. A manhã seguinte era Dia das Mães e algumas vizinhas iam usar o carro para entregar cestas de presente.

Fonte: Os soldados não têm o direito de atirar no meu neto

Os soldados não têm o direito de atirar no meu neto

Diego Augusto Roger Ferreira ia fazer um favor para o irmão de criação naquela noite de sábado, 12 de maio. Chegou a ir até o posto de gasolina numa moto emprestada para comprar óleo de motor para o carro do irmão. A manhã seguinte era Dia das Mães e algumas vizinhas iam usar o carro para entregar cestas de presente.

Fonte: Os soldados não têm o direito de atirar no meu neto

O Exército matou minha mãe e sumiu

Dona Raimunda Cláudia ouviu a barulheira e correu para a janela da sua casa. Teve tempo de chamar a Camila, que deveria estar atendendo na loja de roupas, do outro lado da rua. – Camila, você está onde? – Sai daí! Só deu tempo disso.

Fonte: O Exército matou minha mãe e sumiu

PT classifica nomeação de Moro para ministro como ”fraude do século”

O PMOTOartido dos Trabalhadores (PT) do Brasil classificou de “fraude do século” a nomeação de Sergio Moro para ministro da Justiça do Governo de Jair Bolsonaro, lembrando que o juiz condenou o antigo Presidente Lula da Silva. “A fraude do século!

Fonte: PT classifica nomeação de Moro para ministro como ”fraude do século”