A VÍRGULA, COMO USAR

FERNANDO GUIDA

 Este sinalzinho, de formas curvas e simpáticas, é uma fonte de dúvidas na hora de escrever.

A vírgula é popularmente conhecida por representar um momento de pausa no raciocínio. Contudo, este não é o único sinal que representa a pausa na escrita e por isso, a vírgula não deve ser utilizada para representar todas as pausas do texto, pois assim como a música tem diferentes tempos de pausa entre as notas, também a escrita tem diferentes tempos de pausa entre as palavras, ou entre as locuções, as orações, frases, parágrafos e, por fim, no texto todo.
Todos esses sinais utilizados para representar as pausas de tempo no texto, inclusive o parágrafo, que é sinalizado pela tabulação ou pela pulada de linha ou de espaço, são, antes de tudo, sinais gramaticais.
A Gramática é uma lista de regras do idioma que explica como se formam as frases e as orações, entre…

Ver o post original 907 mais palavras

The Guardian expõe ‘pensamento fantástico’ de ministro escolhido por Bolsonaro

O jornal inglês The Guardian, que está prestes a completar 200 anos de fundação,  manchetou que o presidente eleito do Brasil, Jair Bolsonaro, escolheu um novo ministro das Relações Exteriores que …

Fonte: The Guardian expõe ‘pensamento fantástico’ de ministro escolhido por Bolsonaro

LURIAN: A DOR, A INDIGNAÇÃO, A RESISTÊNCIA

Revérbero

images (6)

O comovente desabafo da filha de Lula depois do interrogatório agressivo a que ele foi submetido pela juíza substituta da Lava Jato.

Ontem eu via a imagem de um homem forte, mas triste, num embate com uma juíza e um promotor soberbos….

Ontem eu vi a justiça agir de forma cega e insensível perante um homem, de 73 anos, inocente, que luta todos os dias para que desfaçam o mínimo da maldade atentada contra ele e sua família.

Ontem eu vi uma jovem mulher que poderia entrar pra história como digna e justa, tratar um inocente com desrespeito, intolerância e total parcialidade.

Ontem eu vi a dor de um homem que injustamente está sendo privado do convívio dos seus amigos, do seu povo, mas principalmente da sua família, das pessoas que ama, dos seus filhos, netos e bisneta…

Ontem eu vi um olhar de tristeza.

Ontem eu vi um olhar…

Ver o post original 70 mais palavras

Assange: a América Latina na era das cyberguerras

Luíz Müller Blog

130711-RiveraEspionagem global é ponta de gigantesco iceberg. Controle dos fluxos de comunicação é nova arma dos Impérios. Alternativa pode estar no Sul

Por Julian Assange | Tradução: Vila Vudu | Imagem: Diego Rivera, Niños Héroes

Originalmente publicado no Outra Palavras

O que começou como meio para preservar a liberdade individual pode agora ser usado por Estados menores, para frustrar as ambições dos maiores.

cypherpunks[1] originais eram, na maioria, californianos libertaristas.[2]  Eu vim de tradição diferente, onde todos nós buscávamos proteger a liberdade individual contra a tirania do Estado. Nossa arma secreta era a criptografia. Já se esqueceu o quanto isso foi subversivo. A criptografia, então, era propriedade exclusiva dos Estados, para uso em suas muitas guerras. Ao escrever nossos próprios programas e distribuí-los o mais amplamente possível, liberamos a criptografia, a democratizamos e a espalhamos pelas fronteiras da nova internet.

A reação contra, sob várias leis “de tráfico de armas”…

Ver o post original 1.174 mais palavras