Sob vários aspectos, inclusive de público, posse de Bolsonaro foi um fiasco. Por Joaquim de Carvalho

Sob muitos aspectos, a posse de Jair Bolsonaro foi um fiasco. O primeiro deles é o público. A equipe do presidente anunciou que colocaria na Praça dos Três Poderes e na Esplanada dos Ministérios mais de 250 mil pessoas — havia assessores falando em 500 mil. A ideia era quebrar o recorde de público na […]

Fonte: Sob vários aspectos, inclusive de público, posse de Bolsonaro foi um fiasco. Por Joaquim de Carvalho

Anúncios

Forêts, mines, climat… au Brésil, les ONG craignent une catastrophe environnementale

Jair Bolsonaro, investi président le 1er janvier, veut exploiter davantage de mines, remettre en question l’accord de Paris sur le climat, faciliter la vente de pesticides et amplifier la déforestation.

Fonte: Forêts, mines, climat… au Brésil, les ONG craignent une catastrophe environnementale

Ano Novo, Vida Pior, por Wilson Ramos Filho

Categoria: Opinião Obra de Basquiat Ano Novo, Vida Pior por Wilson Ramos Filho Uma convenção, nada mais? De fato a passagem do 31/12 ao 01/01 é arbitrária. Faria algum sentido se o ano começasse no solstício. Mas, tanto faz, né? Está combinado que 2018 termina hoje.

Fonte: Ano Novo, Vida Pior, por Wilson Ramos Filho