A INCRÍVEL ARTE DE SEMEAR IDEIAS LITERÁRIAS — Árvore das Letras

Por Elis-Rouse, do site LiteralMente, UAI Disseminar, espalhar, plantar, os sinônimos de semear nunca foram tão pertinentes quando se trata do escritor mineiro Leandro Bertoldo Silva. Dos frutos colhidos, quem tem a agradecer são os deuses da literatura. A história de Leandro com a leitura é daquelas à moda antiga, com a receita infalível do […]

via A INCRÍVEL ARTE DE SEMEAR IDEIAS LITERÁRIAS — Árvore das Letras

Lilith em Peixes: comentários sobre a força de Margaridas e Indígenas —

O trânsito de Lilith pelo signo de Peixes, desde 4 de maio último, tem trazido à tona para o coletivo uma série de questões relativas ao feminino e, especialmente, à opressão ou repressão do feminino em nossa sociedade. Na semana que passou, Brasília testemunhou duas marchas protagonizadas por mulheres: a Marcha das Mulheres Indígenas, na […]

via Lilith em Peixes: comentários sobre a força de Margaridas e Indígenas —

A VALSA DE LILI — Opinião de Peso

Débora Duboc e Débora Dubois se unem para contar a história de Lili, que viaja o mundo sem mexer mais que a cabeça. Novo texto de Aimar Labaki, o solo A Valsa de Lili, inspirado em Pulmão de Aço de Eliana Zagui promove o encontro do público com uma personagem única – fisicamente paralisada, intelectual […]

via A VALSA DE LILI — Opinião de Peso

Corte o condicionamento social, de forma que a natureza permaneça pura, não poluída. — menterapia

Você nunca foi aceito pelos seus pais, professores, vizinhos, sociedade, como você é. Todos estavam tentando modificá-lo, torná-lo melhor. Todos estavam apontando as falhas, os equívocos, os erros, as fraquezas e as fragilidades que todos os seres humanos estão sujeitos a ter. Ninguém enalteceu a sua beleza, a sua inteligência, ninguém enalteceu a sua grandeza. […]

via Corte o condicionamento social, de forma que a natureza permaneça pura, não poluída. — menterapia