bom mesmo — bálsamo benigno

bom mesmo é vagabundear ruasouvir o balbuciar das gentesfitar uma flor perdida no baldio. (até que o mar e sua franja de espumamolhe seus pés cansadose a dor tombe diante do inesperado salto). bom mesmo é vagabundear astrosperfumar-se nos antros dos enamorados. depois ir ao encontro das moscasbater um papo com seus brejosperder o norte […]

bom mesmo — bálsamo benigno

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.