Community vs. Solitude for Writers — BREVITY’s Nonfiction Blog

By Lisa K. Buchanan Workshops, writing groups, classes, and conferences can all be lifelines for writers.  It is only as a grateful beneficiary of such bounty that I’ve also come to know when it’s important to work alone. In an online writing group awhile back, I received the happy news that a short piece of […]

Community vs. Solitude for Writers — BREVITY’s Nonfiction Blog

Militares são condenados por mortes de músico e catador no Rio | Notícias e análises sobre os fatos mais relevantes do Brasil | DW | 14.10.2021

Evaldo Rosa e Luciano Macedo morreram em ação do Exército em que foram efetuados mais de 200 disparos, em abril de 2019. Justiça militar define pena de 31 anos de prisão para tenente e 28 para outros sete militares.

Fonte: Militares são condenados por mortes de músico e catador no Rio | Notícias e análises sobre os fatos mais relevantes do Brasil | DW | 14.10.2021

Iowa Caucuses in Presidential Election Years – Journey Home

Caucus-goer signing petitions. On July 1, 1971, the 26th Amendment to the U.S. Constitution was ratified, lowering the voting age to 18 years. I was eligible to vote in the 1972 general election ye…

Fonte: Iowa Caucuses in Presidential Election Years – Journey Home

La Argentina avanza hacia el futuro reculando ADRI BOSCH

El Noticiero de Alvarez Galloso

El crimen de un chico de 17 años vuelve a desnudar la realidad ante los funcionarios que siempre están mirando otro canal. Entrega de bicicletas, de Juan Domingo Perón en 1952 al ministro Jorge Ferraresi en 2021. Cuando Lucas Cancino nació, en 2004, su vecino de Quilmes Aníbal Fernández ya ejercía su cargo público número […]

La Argentina avanza hacia el futuro reculando

Ver o post original

Leitura | A trilogia de Nova York

"O mundo das coisas ao meu redor..."

Capa maravilhosa de Art Spiegelman (o mesmo de Maus)

Quando tirei esse livro da estante, estava em busca de um bom livro policial. Fazia já um tempinho que não lia nada desse gênero, então me pareceu uma boa oportunidade. Lógico que me enganei. O que Paul Auster faz em A trilogia de Nova York é algo muito mais elaborado do que uma simples trama policial. Para mim, é um complexo e muito bem feito suspense psicológico.

Uma estrutura aparentemente simples

De início, encarei as três histórias como independentes entre si. “Cidade de vidro”, “Fantasmas” e “O quarto fechado” foram originalmente publicadas em separado, pelo que soube, e só mais tarde os editores tiveram a ideia de reunir tudo em um só volume.

A grata surpresa é – alerta para spoiler! – entender no fim da leitura que as três partes se completam e formam um todo de sofisticada constituição…

Ver o post original 362 mais palavras