Povo vai às ruas contra PEC do teto dos gastos

Um grande ato aconteceu na Avenida Paulista, em São Paulo, com estimativa de 20 mil pessoas, e outro na Cinelândia, no Rio de Janeiro, contra a PEC 241, que congelará os gastos públicos por 20 anos, na noite desta segunda-feira 17; no Rio, bombas de gás foram detonadas quando o ato passou na Avenida Chile; segundo a polícia, manifestantes mascarados jogaram fogos no Batalhão de Choque da PM; outro protesto contra a medida polêmica proposta pelo governo Temer lota as ruas de Belo Horizonte

Fonte: Povo vai às ruas contra PEC do teto dos gastos

Índios, professores, estudantes e polícia pedem saída de Richa e Temer | Brasil 24/7

Em protestos no Paraná, índios, professores, estudantes e polícia civil pedem abertamente “Fora Richa” e “Fora Temer”, contra o desmonte dos serviços públicos e retirada de direitos; ao todo, 75% das 2,1 mil escolas do Estado estão paralisadas em manifestação contra a PEC 241 e contra a reforma no ensino médio; manifestantes são plurais, mas são coesos em pedir a saída do governador tucano e do presidente da República

Fonte: Índios, professores, estudantes e polícia pedem saída de Richa e Temer | Brasil 24/7

Se o impeachment acontecesse no Uruguai, o país já teria parado | Patrícia Álvares

Muitos brincam que o Uruguai para e marcha por qualquer coisa, independentemente de sindicatos. Seja pela agressão a uma jovem negra na porta de um bar, seja pelo TISA, seja pelos recortes no orçamento para a Educação, seja pela carência do setor audiovisual, seja pelo reconhecimento do genocídio armênio 100 anos atrás, seja pela água da torneira que certa vez apresentou algum odor (diga-se de passagem, o Governo chegou a oferecer um desconto na conta de água enquanto durasse o problema).

Fonte: Se o impeachment acontecesse no Uruguai, o país já teria parado | Patrícia Álvares

O Fora Temer no 7 de setembro em São Paulo, em vídeo e 35 fotos: da praça da Sé à Paulista – Viomundo – O que você não vê na mídia

Hoje, 17 horas, Largo da Batata

Fonte: O Fora Temer no 7 de setembro em São Paulo, em vídeo e 35 fotos: da praça da Sé à Paulista – Viomundo – O que você não vê na mídia

A vida depois do golpe | Brasil 24/7

“Com a vitória da coalizão golpista na votação da pronúncia de Dilma como ré, só falta o juiz apitar: fim de jogo, tudo dominado, o golpe prevaleceu”, diz a colunista Tereza Cruvinel; com a vitória do interino Michel Temer, ela prevê um cenário com escalada autoritária, repressão das oposições e do contraditório, uma grande pizza para salvar políticos aliados da Lava Jato, a continuidade da caçada ao ex-presidente Lula, retrocesso social e política externa subserviente; no entanto, com a tendência de que Temer se torne a cada dia mais impopular, ela imagina ainda a hipótese de que avance a cassação da chapa Dilma-Temer no ano que vem, abrindo espaço para uma eleição indireta; a única saída viável para pacificar o País, diz ela, seria a realização de novas eleições presidenciais; “Teríamos assim, ao final da conflagração, de duração imprevisível, o desfecho para a crise e alguma pacificação”

Fonte: A vida depois do golpe | Brasil 24/7