Internet na China – um imenso shopping virtual

China na minha vida

Outro dia navegando por entre noticias e curiosidades, me deparei com um artigo sobre o alcance do e-commerce na China.

A ideia da imensidão disso já existia. Partindo-se do principio que uma população de bilhões de pessoas, num país tão grande onde nem todos tem acesso ao mercado consumista que é Shanghai, por exemplo, o acesso à internet seria o caminho mais curto para a aquisição de bens.

Fora isso tem o TaoBao, que já falei dele aqui, onde se compra desde agulha até joias, passagens aéreas e o que mais sua imaginação permitir.

Mas essa pesquisa comprova as suspeitas, afinal mostra números. E contra eles não há o que se falar. A pesquisa, na realidade um infográfico, foi produzida pela empresa Alibabá, nada mais que o donos do TaoBao e de todas as lojas online no mundo que levam esse nome.

Com o crescimento da classe média chinesa, apoiada…

Ver o post original 528 mais palavras

Anúncios